SUSTENTABILIDADE

A Eletro Cesar Energia tem um projeto de resgate de carbono aprovado pela Organização das Nações Unidas (ONU). É uma das poucas empresas brasileiras a ostentar tal condição, contemplada pelo protocolo de Kioto, que prevê a redução da emissão de carbono na atmosfera. O projeto, aprovado pela ONU, é intermediado pela empresa Eco Security, sediada no Rio de Janeiro, que faz a compensação do carbono com pagamento de títulos. Em 2007, o empresário aprovou o mesmo projeto no Ministério da Ciência e Tecnologia, que coordena essas ações com apoio de outros organismos governamentais.
Além de produzir a “energia limpa”, as Hidrelétricas do Grupo Cesar Cassol também cumpre seu papel com o meio ambiente, mantendo projeto de reflorestamento de áreas degradadas, criação de peixes cujas matrizes foram retiradas do rio atingido pela barragem, e a criação de animais silvestres, a exemplo de capivara, anta e várias espécies de macaco.